terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Lendo GRACILIANO RAMOS - VIDAS SECAS




Lendo

GRACILIANO RAMOS - VIDAS SECAS


É impossível passar imune pelo sertão. Alguma marca ele deixa na alma de quem o experimenta. Mesmo que essa experiência seja de passagem (numa viagem)...

Eu amo o sertão. Dessas identificações que a gente fica pensativo e achando que nasceu no lugar errado (sou do Recôncavo - Santo Antonio de Jesus-BA).

A vida do sertanejo, sua luta, resistência obstinada ante o castigo frequente da seca, estrategicamente mantida por inescrupulosos programas políticos... de "gente" que se perpetua no poder à custa do sofrimento de um povo belo de alma!


SECA
OZEAS CB RAMOS

A estiagem causticante
Não mata de sede o bode e o carneiro,
Não seca plantas e raízes,
Não deixa sem alimento a vaca e a carijó,
Nem destrói a alma do sertanejo
Quem perde com a seca
E perde a vida é a terra.
É ela que mata a sede com suas aguadas
Que sacia a fome com suas sementes e raízes
E mitiga o sofrimento do caboclo.
Todos eles: plantas, animais e gente
Vendo a terra sofrer
Morrem em solidariedade a ela.

-------------










Recomendo verem esse vídeo de um Canal no Youtube com uma resenha do livro:









OZEAS CB RAMOS
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...