segunda-feira, 27 de maio de 2013

AMASTE A TI MESMA


Reconheces agora
A realidade de que (na verdade)
Nunca me amaste?
Amaste tuas projeções
Teu "eu" achado em mim
Teus anseios e desejos.
Olhavas teu por do sol no horizonte
E amaste o descer teu morro
O buscar teus sonhos...
Tudo instintivo e natural.
Mas era o teu amar por ti mesmo
Não por mim!

OZEAS RAMOS 



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...