domingo, 10 de março de 2013

TODO PROSA

A rede está vazia porque fui ali...

 TODO PROSA

Amei amores e desejei amores.
Fiz amigos para toda minha vida.
Arrumei inimigos que passarão.
Em meu caminhar deixei pedras.
Cometi desatinos sem limite.
Delirei delírios mil.
Fiz viagens a muitos lugares,
E a lugar algum.
Conheci loucuras alheias
Morei com a solidão.
Chorei lágrimas sem fim.
Solidifiquei minhas chatices.
Desprezei a fé!
Contei e ouvi muitas estórias.
Cheirei flores, senti perfumes.
Plantei arvores cujos frutos não delicio.
Construí casas que não me abrigam.
Destruí casas que guardo os entulhos.
Tive filhos. Três naturezas singulares.
Construo aqui um sonho, novo sonho:
Publicar um livro.
Por isso estou todo prosa.
Porque trago versos.
Gabolices em versal.
Agora é com você vida.
Por mim, estou pronto!
Para gozar meu sonho,
Ou para seguir contigo
No caminho sem volta!

OZEAS RAMOS

quarta-feira, 6 de março de 2013

ANSEIO PELO MAR

 
ANSEIO PELO MAR
 
Se pudesse revelar o que deseja minha alma
Sua compreensão mudaria
Entenderias os meus porquês...
A minha inquietude:
Pois tenho em mim um nascedouro de amor
Sem ter o mar para desembocar.
Anseio pelo mar!

OZEAS RAMOS


domingo, 3 de março de 2013

POMBOS DESGRAÇADOS

 
 
POMBOS DESGRAÇADOS
 
Sonhos são para mim, como pombos.
Quando estão na praça parecem singelos
Quando próximos trazem doença e dor
Se me aproximo eles sempre voam
Para bem longe
E perco-os de vista
Como ainda ensejá-los[1]?
Pomba[2]!
São todos uns desgraçados!
 
OZEAS RAMOS






[1] Ensejar = Dar ocasião de. Esperar ou espiar a oportunidade de
[2] Pomba = Expressão de espanto que ouvia e falava quando criança.



sexta-feira, 1 de março de 2013

APRECIE SEM MODERAÇÃO

Sugiro que leiam antes, o poema de Mário Quintana (http://rascunho1966.blogspot.com.br/2013/02/sublime-criacao.html).
Se ele pode...

Imagem da Net.

 APRECIE SEM MODERAÇÃO

Dizem que mulheres apreciam os doces e homens os salgados.

Para mudar essa preferência masculina, sugiro criarem um doce
e nominá-lo: doce de buceta!


Adoro doces: Cocada, pudim (de leite moça), pé de moça. E por que não doce de buceta?


Esse deverá ser:
Sempre encorpado. Tons do avermelhado ao rosa. De sabor e aroma marcantes. 


Não levaria canela nem cravo. Após preparo deverá ser deixado sempre em local fresco e arejado. Não se deve armazenar por muitos dias. Fica bem em qualquer tamanho.

Mesmo que tenha alguma acidez, poderá ser consumido após cada refeição. Mas nada impediria que se degustasse também antes de dormir.


Consumido com frequência, ajudaria na perda de peso e controle do humor. Pode ser acompanhado com vinho tinto ou licor, devendo ser apreciado sem pressa e sem moderação.


A amiga pode preparar que eu aceito convite para ir comer seu docinho. E caso o amigo tenha em casa e não aprecie, pode me convidar para comer, e me acompanhar, sem problemas, no cafezinho.


Fica a sugestão.


OZEAS CB RAMOSwww.facebook.com/rascunho1966

NOVO SENTIDO




NOVO SENTIDO

Na vida você tem
Para cada direção (horizontal e vertical)
Dois sentidos possíveis:
Ou você vai
Ou você vem.
Se chegou a sua hora
E percebe que precisa mudar
E deseja dar um novo sentido
À sua vida...
Dê uma guinada:
Vire a esquina!
Tanta faz se vai virar à direita
Ou se vai virar à esquerda
Vire!
Não basta voltar atrás
Uma vez que estaremos na mesma reta da vida!
Sob algumas circunstâncias, é o único modo de
Trazer algo novo para a velha vida.
Novo fluxo, novas pessoas, novo ir e vir.
Mude!!!

OZEAS RAMOS

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...